Buscar
  • BeBold

O poder do diálogo nas organizações

O Líder Comunicador exerce um papel de protagonista no processo de motivar, informar e fortalecer a cultura organizacional, adotando a comunicação face a face como ferramenta de gestão da sua equipe.


Por Bianca Moura


Envolver os profissionais de sua equipe pelos mesmos objetivos, trabalhando com motivação, foco e excelência operacional não é tarefa fácil para o líder.

Engajar pessoas cada vez mais antenadas, questionadoras e sedentas por encontrarem um sentido em suas atividades, traz uma nova exigência para a liderança: aprimorar sua competência de comunicação e passar a exercê-la de maneira hábil e assertiva, permanentemente.


Com isso, o gestor se torna um Líder Comunicador que, com o apoio dos demais canais de comunicação interna da empresa, exerce um papel de protagonista no processo de motivar, informar e fortalecer a cultura organizacional, adotando a comunicação face a face como ferramenta de gestão da sua equipe.


O fato de estarmos num mundo tão conectado, onde as pessoas tem acesso à qualquer tipo de informação de maneira rápida e os contatos ocorrem a todo momento, via aplicativos ou redes sociais, o líder bem-sucedido assume a responsabilidade de também estabelecer diálogos que despertem o interesse, de se comunicar com suas equipes sobre os temas da empresa de maneira transparente e objetiva.

O diálogo é uma prática simples, que aproxima e gera confiança entre líder e liderado. O profissional de hoje deseja ser ouvido, quer conversar cara a cara, frente a frente. Ele espera que seu líder seja franco, transparente e rápido na hora de comunicar o atual momento da empresa, onde ela quer chegar.


Deixar claro “para onde vamos” é uma forma de estabelecer um compromisso conjunto da equipe, que desperta em seus integrantes o orgulho de pertencer pelo simples fato de enxergarem um propósito em suas atividades diárias.


Então, para você líder que quer promover o alinhamento da sua equipe, mantendo-a informada e engajada pelos objetivos organizacionais, comprometida com entregas e resultados, comece agora mesmo a pensar em quais temas você pode trabalhar a comunicação face a face com seus profissionais. E adote a prática como rotina na gestão de pessoas.


E, lembre-se: além de estar preparado para falar, informando-se previamente sobre o tema e definindo qual será sua abordagem, o mais importante é você estar aberto para ouvir. Abra espaço nas suas conversas de comunicação face a face com a equipe para dúvidas e comentários dos seus liderados. Você verá que sua equipe se sentirá valorizada ao ter “voz” na organização.


E aí? Disposto a começar agora mesmo a ser um Líder Comunicador?!



6 visualizações